Aproximam-se os 48 volts

27-11-2018 / Empresa

Reduzir os consumos e emissões dos automóveis tornou-se numa necessidade de primeiro plano. A Schaeffler desenvolveu um conceito de hibridação de baixa tensão 48 volts que permite otimizar o veículo em cerca de 25% com um custo mínimo, uma tecnologia que veremos brevemente em circulação de forma geral.

A luta pela redução de emissões de CO2 abrange uma ampla gama de tecnologias e soluções. De todas elas, a hibridação 'suave' de 48 volts permite otimizar o impacto de um veículo de combustão interna em 25%. Tudo isso graças a um processo de hibridação de baixa tensão que se pode integrar nas plataformas de veículos sem necessidade de efetuar grandes modificações.

A hibridação suave é uma solução que vamos encontrar em cada vez mais veículos, que consiste na integração de um motor elétrico, geralmente entre o motor de explosão e a transmissão, embora possa haver diferentes configurações de acordo com o modelo. A transmissão pode der automática ou manual através da embraiagem automatizada. Esta tecnologia permite deslocações curtas em modo elétrico, assim como o funcionamento dos acessórios sob a função start-stop. Combinada com outras inovações como o módulo de gestão térmica ou o E-Clutch, representa uma oportunidade para que os veículos mais acessíveis cumpram as normas estritas de emissões que se avizinham.