Os desportos motorizados no ADN

17-03-2016

Formula E, DTM & WEC

Os desportos motorizados ajudam o Grupo Schaeffler na sua aposta pela inovação, permitindo testar os seus produtos de precisão nas condições mais extremas e aplicando os conhecimentos adquiridos na melhoria da qualidade dos mesmos e nas prestações destas peças com o foco no usuário final. Na presente temporada:

Formula E: Nesta temporada, a Schaeffler compete na nova Fórmula E em colaboração com a ABT Sportsline. Inaugurada em 2014, esta competição, com os seus veículos totalmente elétricos, está a revolucionar os desportos motorizados. Envolvida desde o primeiro dia, a Schaeffler desenvolveu, juntamente com o seu parceiro, o sistema de propulsão “ABT Schaeffler FE01”.

DTM: A DTM é uma das categorias de ligeiros mais importantes do mundo e uma das séries de automobilismo internacional mais populares. A participação da Schaeffler no campeonato, juntamente com o fabricante Audi, teve um início espetacular em 2011, obtendo uma vitória pela mão de Martin Tomczyk. Nesta temporada, o grupo compete com o Audi RS 5 DTM, que é composto de 4.000 peças, e novamente pela mão de Mike Rochenfeller, piloto que obteve a vitória para a Schaeffler em 2013.

WEC: Como parceiro oficial da Porsche, a Schaeffler participa desde 2014 no Campeonato Mundial de Resistência, WEC, com o Porsche 919 Híbrido. Embora seja uma colaboração recente, o êxito não se fez esperar, visto que em 2015 a equipa celebrou duas vitórias em Le Mans, um dos desafios mais difíceis no âmbito dos desportos motorizados a nível mundial. A WEC é uma competição de automobilismo de velocidade e resistência, com quatro categorias de carros desportivos: dois protótipos e dois de carros GT. Novos regulamentos que limitam a quantidade de energia utilizável foram introduzidos em 2014, convertendo a eficiência energética e a tecnologia vanguardista em elementos decisivos da competição.